Yahoo se inspira no Facebook para reformular site

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 12:39 BRT
 

20 Fev (Reuters) - O Yahoo está lançando uma reforma de seu site, com o objetivo de tornar o portal mais moderno e atraente para os usuários.

"Queríamos que fosse familiar, mas também queríamos que adotasse alguns dos paradigmas modernos da Web", afirmou Marissa Meyer, a presidente-executiva do Yahoo, em entrevista ao "Today", programa da rede de TV norte-americana NBC, nesta quarta-feira.

"Uma coisa que realmente aprecio é o newsfeed altamente personalizado e infinito; a (barra de) rolagem não tem fim", disse.

Em um post no blog da empresa, Meyer anunciou que o Yahoo começará a introduzir as mudanças nos próximos dias, e que novas mudanças e melhoras surgirão ao longo dos próximos meses. O newsfeed infinito contendo reportagens, imagens e vídeos é semelhante ao do Facebook e do Twitter.

Mayer também afirmou em seu blog que o site ofereceria aplicativos inovadores, permitiria que os usuários fizessem login com suas identidades do Yahoo ou do Facebook e funcionaria bem em smartphones e tablets.

O Yahoo é um dos sites de Internet mais visitados do planeta, mas a receita vem caindo nos últimos anos em função da concorrência do Google e do Facebook.

A empresa também vem sendo perturbada por tumultos internos causados por uma rápida sucessão de trocas de comando executivo.

Mayer, 37, assumiu depois de um período tumultuado na empresa, com a renúncia do então presidente-executivo Scott Thompson após apenas seis meses no cargo devido a uma controvérsia sobre suas credenciais acadêmicas. A disputa levou o co-fundador do site, Jerry Yang, a renunciar ao seu posto no conselho e romper suas ligações com a companhia.

A receita do Yahoo foi de 5 bilhões de dólares em 2012, com crescimento zero ante o ano anterior. Em 2010, a companhia faturou 6,3 bilhões de dólares.

(Reportagem de Nicola Leske)