Alcatel-Lucent aposta em ex-executivo da Vodafone para recuperação

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013 11:34 BRT
 

PARIS, 22 Fev (Reuters) - A deficitária fabricante de equipamentos de telecomunicação Alcatel-Lucent nomeou Michel Combes, o francês responsável pela recuperação do negócio europeu da Vodafone durante a crise financeira, para realizar a recuperação que a companhia promete há anos.

Combes, de 51 anos e ex-diretor financeiro da France Telecom, vai assumir como presidente-executivo em 1o de abril, substituindo Ben Verwaayen, que ficou à frente da Alcatel-Lucent por cinco anos mas não conseguiu a tão esperada recuperação, apesar dos profundos cortes de custos.

O grupo franco-americano, que teve um prejuízo líquido de 1,37 bilhão de euros (1,8 bilhão de dólares) em 2012, viu-se muito prejudicado pela proliferação de concorrentes chinesas de baixo custo na última década e fica atrás da sueca Ericsson e da chinesa Huawei em tamanho e participação no mercado de equipamentos móveis.

"Combes é uma boa escolha, pois tem 20 anos de experiência em telecomunicação e conhece bem o meio político francês", afirmou o Alexander Peterc, da Exane BNP Paribas.

A companhia também elegeu Jean C. Monty como vice-presidente de conselho, com efeito imediato.

(Por Leila Abboud)