Kodak faz acordo para tornar financiamento mais flexível

sexta-feira, 1 de março de 2013 13:50 BRT
 

1 Mar (Reuters) - A norte-americana Kodak fez uma alteração no acordo de financiamento para deixá-lo mais flexível, enquanto se prepara para sair da concordata, disse a pioneira da fotografia nesta sexta-feira.

A companhia contratará uma consultoria para começar a procurar candidatos para um novo conselho de diretores.

A companhia espera sair da proteção judicial em meados do ano.

A revisão do acordo de financiamento prevê que a Kodak levante ao menos 600 milhões de dólares com a venda de ativos não ligados ao segmento de imagem comercial, que inclui reconhecimento de documentos e serviços personalizados, assim como marcas. Os termos anteriores exigiam que a companhia levantasse 700 milhões de dólares.

O novo financiamento deve ser fechado no fim deste mês e precisa da aprovação da Justiça.

A companhia prevê apresentar um plano de reestruturação em abril, o qual exigirá aprovação dos credores e de um tribunal de Manhattan antes de a Kodak sair da concordata.

A fabricante pediu concordata em janeiro de 2012.

(Por Tom Hals)