Google paga US$7 mi para resolver investigação nos EUA

terça-feira, 12 de março de 2013 15:35 BRT
 

Por Alexei Oreskovic

SAN FRANCISCO, 12 Mar (Reuters) - O Google vai pagar 7 milhões de dólares para 38 Estados norte-americanos e ao Distrito de Columbia para resolver uma investigação sobre um controverso incidente no qual seus carros de mapeamento Street View coletaram senhas e outros dados pessoais de redes sem fio (WiFi) domésticas entre 2008 e 2010.

Detalhes do acordo, que encerra uma investigação de quase três anos, já haviam sido noticiados na semana passada.

O Google, maior feramenta de busca do mundo, disse que o incidente foi um erro relacionado a um trecho de código experimental incluído no software dos carros. A empresa afirmou que os dados não eram utilizados em nenhum serviço do Google.

O Google aceitou no acordo desta terça-feira eventualmente destruir os dados coletados nos Estados Uidos. A companhia está trabalhando com vários páises europeus para determinar como lidar com os dados coletados na região.

O Google não admitiu violar quaisquer leis dos EUA na chamada garantia de observância voluntária que registrou junto aos Estados.

A multa de 7 milhões de dólares, que será distribuída entre os Estados envolvidos na investigação, representa uma fração pequena da receita de cerca de 50,2 bilhões de dólares em 2012 e de seu lucro líquido de 10,7 bilhões de dólares.