EBay altera tarifas para vendedores e eleva pressão sobre Amazon

terça-feira, 19 de março de 2013 15:10 BRT
 

Por Alistair Barr

SAN FRANCISCO, 19 Mar (Reuters) - O eBay disse nesta terça-feira que vai reformular as tarifas para vendedores em sua rede de comércio online, intensificando a competição com a Amazon.com.

O eBay está descartando seu complexo sistema de "tarifas de valor final", calculadas como uma porcentagem do preço de venda de um item, e introduzindo taxas fixas baseadas em categorias de produtos.

Muitas das tarifas de listagem do eBay, motivo de discórdia entre vendedores, também vão deixar de existir. A maior parte das mudanças entra em vigor em 16 de abril, enquanto as outras passam a valer em 1o de maio.

Muitos vendedores pagarão tarifas menores após as alterações, especialmente aqueles que não vendem em grandes volumes e listarão menos de 12.250 vezes por mês, de acordo com Scot Wingo, presidente-executivo do ChannelAdvisor, empresa que ajuda vendedores a comercializar produtos em mercados online, incluindo eBay e Amazon.

"Essas mudanças nas tarifas definitivamente tornarão o eBay mais competitivo", disse Wingo.

A manobra vem num momento em que vendedores na rede de comércio da Amazon ficam cada vez mais descontentes com os aumentos de tarifas.

O comunicado emitido pela empresa anunciando as novas taxas incluía uma tabela comparando suas tarifas às da Amazon, decisão que Wingo disse não ter visto antes.

"O eBay está realmente realizando uma ofensiva contra a Amazon", disse Wingo.

Para consumidores que vendem apenas alguns itens por ano, o eBay vai oferecer 50 listagens gratuitas por mês. Se o item for vendido, a companhia vai ficar com 10 por cento do preço de venda.