Governo confia em instalação de 4G nas cidades-sede da Copa das Confederações

quinta-feira, 4 de abril de 2013 10:08 BRT
 

BRASÍLIA, 31 Mar (Reuters) - O governo acredita que as operadoras de telecomunicações conseguirão alcançar a meta de instalar, até 30 de abril, ao menos 50 por cento da cobertura de banda larga de quarta geração (4G) nas cidades que serão sede de jogos da Copa das Confederações, disse nesta quinta-feira o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo.

"Não tenho dúvidas de que as empresas vão cumprir", disse Bernardo, no Programa Bom Dia Ministro, da TV estatal EBC.

Falando a jornalistas na saída do programa, o ministro afirmou que as redes estão sendo instaladas e que em Brasília, por exemplo, sede da abertura do torneio, já há cerca de 70 por cento de cobertura.

"Começa com essa cobertura inicial e depois tem um prazo para ir aumentando. As 12 cidades que vão receber a Copa do Mundo terão prazo até 31 de dezembro para começar a funcionar", disse.

A Copa das Confederações, torneio preparatório para o Mundial de 2014, será disputada entre 15 e 30 de junho em Brasília, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Salvador, Recife e Fortaleza.

Segundo Bernardo, também serão instaladas antenas fixas nos estádios, compartilhadas entre as operadoras, com sinal para 2G, 3G e 4G. "Será colocado um número grande de pequenas antenas, com grande distribuição, todas elas ligadas por fibra óptica", acrescentou.

(Reportagem de Leonardo Goy)