Blackberry pede a reguladores investigação de relatório sobre devoluções

sexta-feira, 12 de abril de 2013 12:18 BRT
 

TORONTO, 12 Abr (Reuters) - A BlackBerry disse na sexta-feira que vai pedir aos reguladores de títulos no Canadá e nos Estados Unidos para investigar um relatório sobre as taxas de devolução para seu novo smartphone Z10, que chamou de "falso e enganoso".

A empresa canadense, que depositou suas esperanças de recuperação em seu novo BlackBerry linha 10, disse que as taxas de retorno estavam iguais ou abaixo de suas previsões, e de acordo com as normas da indústria.

"Insinuar o contrário, ou é um grosseiro erro de leitura dos dados, ou uma manipulação intencional", afirmou o presidente-executivo, Thorsten Heins, em um comunicado. "Tal conclusão é absolutamente sem fundamento e a BlackBerry não vai deixá-la sem contestação."

A BlackBerry disse que a empresa de pesquisa e investimento Detwiler Fenton afirmou que os smartphones Z10 estavam sendo devolvidos em números anormalmente elevados, e se recusou e a divulgar o seu relatório ou seus métodos.

A empresa disse que vai apresentar um pedido formal à Comissão de Valores Mobiliários e a Comissão de Valores Mobiliários de Ontario ao longo dos próximos dias.

(Reportagem de Allison Martell)

 
O novo smartphone Blackberry Z10 à venda em uma loja de Nova York. A BlackBerry disse na sexta-feira que vai pedir aos reguladores de títulos no Canadá e nos Estados Unidos para investigar um relatório sobre as taxas de devolução para seu novo smartphone Z10, que chamou de "falso e enganoso". 22/03/2013. REUTERS/Brendan McDermid