Panasonic estima alta de 55% no lucro do ano fiscal corrente

sexta-feira, 10 de maio de 2013 14:29 BRT
 

TÓQUIO, 10 Mai (Reuters) - A Panasonic estimou que seu lucro operacional subirá 55 por cento no ano fiscal que termina em 31 de março enquanto se recupera das fracas operações em TV e outros aparelhos em favor da venda de máquinas, componentes eletrônicos e outros negócios.

A empresa espera que o lucro operacional suba a 250 bilhões de ienes (2,52 bilhões de dólares) no atual ano fiscal, ante 160,9 bilhões de ienes no ano anterior. Isso comparado com a média de 241 bilhões de ienes de 18 analistas consultados pela Thomson Reuters I/B/E/S.

O presidente-executivo da Panasonic, Kazuhiko Tsuga, prometeu eliminar em dois anos todos as unidades deficitárias ou de baixa rentabilidade que ficarem aquém de margem operacional anual de 5 por cento. Uma nova reestruturação, no entanto, poderia aumentar os custos e prejudicar o lucro.

As vendas de TVs, aparelhos de DVD, e outros equipamentos eletrônicos domésticos representam menos de um quinto das vendas da empresa, deixando mais opções para buscar lucros em outros negócios. Os maiores ganhos da Panasonic vêm de aparelhos como máquina de lavar e geladeiras, além de luminárias, ventiladores de teto e outros acessórios domésticos.

(Por Tim Kelly)

 
Transeunte é refletida em um produto da Panasonic em uma loja de eletrônicos em Tóquio. A empresa de eletrônicos estimou que seu lucro operacional subirá 55 por cento no ano fiscal que termina em 31 de março enquanto se recupera das fracas operações em TV e outros aparelhos em favor da venda de máquinas, componentes eletrônicos e outros negócios. 09/03/2013 REUTERS/Toru Hanai