"Cover" de Bowie volta à Terra após 5 meses no espaço

terça-feira, 14 de maio de 2013 10:36 BRT
 

Por Dmitry Solovyov e Irene Klotz

ALMATY/CABO CANAVERAL, 14 Mai (Reuters) - O astronauta canadense que fez sucesso na Internet com uma versão em gravidade zero de "Space Oddity", de David Bowie, voltou à Terra na terça-feira com dois colegas, após passar cinco meses na Estação Espacial Internacional.

Chris Hadfield pousou sem incidentes na região central do Cazaquistão, junto com o norte-americano Tom Marshburn e o russo Roman Romanenko. A cápsula espacial Soyuz em que eles viajavam abriu seu paraquedas laranja e levantou poeira ao ligar seus motores para amortecer o pouso, cerca de 150 quilômetros a sudoeste da localidade de Zhezkazgan.

"A tripulação está se sentindo bem", disse o Controle da Missão, nos arredores de Moscou, em transmissão por rádio. Em seguida, os astronautas foram mostrados sorrindo, sentados em cadeiras semirreclinadas e protegidos por cobertores azuis, à espera de exames médicos.

A Soyuz havia saído da Estação Espacial cerca de três horas e meia antes de pousar.

Hadfield, primeiro canadense a comandar a Estação, voltou a fazer história na segunda-feira, quando divulgou o primeiro clipe musical gravado no espaço -uma pungente versão "ciberespacial" de "Space Oddity", canção lançada em 1969, logo antes de a nave Apollo 11 pousar na Lua.

O vídeo, com seu familiar refrão "Ground control to Major Tom", já havia sido visto mais de 5 milhões de vezes no YouTube na terça-feira (here ).

A missão incluiu uma imprevista caminhada espacial no sábado para o conserto de um vazamento de amônia num sistema de refrigeração.

 
Astronauta canadense Chris Hadfield gesticula após o pouso da cápsula espacial Russian Soyuz, cerca de 150 km a sudeste da cidade de Zhezkazgan, no Cazaquistão. O astronauta canadense que fez sucesso na Internet com uma versão em gravidade zero de "Space Oddity", de David Bowie, voltou à Terra na terça-feira com dois colegas, após passar cinco meses na Estação Espacial Internacional. 14/05/2013. REUTERS/Sergei Remezov