Jovens lideram avanço de smartphones no Brasil, diz Telefónica

quinta-feira, 6 de junho de 2013 13:17 BRT
 

SÃO PAULO, 6 Jun (Reuters) - Os jovens de 18 a 30 anos de idade lideram o crescimento do rentável mercado de smartphones no país, disse nesta quinta-feira o presidente-executivo da Telefónica para a América Latina, Santiago Fernández Valbuena.

Esses jovens, os chamados "millenials", são motores importantes para o crescimento de oferta de dados móveis, por meio de smartphones, um segmento que as operadoras de telefonia tem buscado crescer por conta de maior rentabilidade.

"Apesar dos 'millenials' terem uma renda mais baixa, eles definitivamente lideram o crescimento no mercado de smartphones", afirmou Valbuena a jornalista.

Esses jovens respondem por cerca de 25 por cento da receita da Telefônica Brasil, segundo o executivo.

Nesta quarta, o executivo participou de uma conferência em que foram apresentados os resultados de uma pesquisa sobre o impacto da chamada geração do milênio na sociedade.

Encomendado pela Telefónica em parceria com o Financial Times, o levantamento mostrou a percepção desse grupo de pessoas em relação a temas como empreendedorismo, otimismo com o futuro e tecnologia.

No país, cinco em cada seis habitantes não possui telefone inteligente. Com margens mais altas, os aparelhos representam uma fonte de geração de receita cada vez mais importante para as operadoras, em um cenário de alta penetração dos celulares comuns.

(Por Marcela Ayres; Edição de Sérgio Spagnuolo)

 
Presidente-executivo da Telefónica para a América Latina, Santiago Fernández Valbuena, durante o Reuters Latin American Investment Summit de 2013, em São Paulo, 21 de maio de 2013. Os jovens de 18 a 30 anos de idade lideram o crescimento do rentável mercado de smartphones no país, disse Valbuena nesta quinta-feira. 21/05/2013 REUTERS/Nacho Doce