Ação da Telecom Italia atinge mínima recorde com atraso nos planos de cisão

terça-feira, 16 de julho de 2013 07:33 BRT
 

MILÃO, 16 Jul (Reuters) - As ações da Telecom Italia registraram um nível de baixa recorde nesta terça-feira após a decisão da empresa de colocar em espera os planos para o desmembramento da sua rede de telefonia fixa, o que poderia prejudicar os esforços para reduzir sua dívida.

O grupo disse na noite de segunda-feira que o projeto do regulador local de cortar as tarifas pagas pelas rivais para acessar sua rede afetaria a viabilidade da divisão dos negócios. A empresa pediu uma regulação favorável antes de tomar qualquer medida adicional.

O atraso para a venda da rede seria mais um revés para os esforços do presidente Franco Bernabé para revitalizar o grupo, seguindo o colapso das negociações no início deste mês sobre uma parceria mais próxima com a Hutchison Whampoa.

Às 7h30 (horário de Brasília), as ações da Telecom Italia caíam 3,06 por cento, a 0,4881 euro, depois de terem anteriormente chegado a 0,4828 euro, o menor nível já registrado de acordo com dados da Thomson Reuters, também tornando-o o pior desempenho no índice europeu de ações FTSEurofirst 300.

(Por Agnieszka Flak)