Hackers adotam nova moeda digital depois da Liberty Reserve

sexta-feira, 9 de agosto de 2013 16:24 BRT
 

NOVA YORK, 9 Ago (Reuters) - Três meses depois de autoridades internacionais fecharem a empresa de transferência de dinheiro digital Liberty Reserve, especialistas em Internet dizem que os criminosos da web estão cada vez mais se voltando para outra moeda online chamada Perfect Money.

Idan Aharoni, chefe de inteligência cibernética da unidade de segurança da RSA, disse que golpistas e ladrões estão usando a moeda digital para lavar dinheiro e ocultar lucros, da mesma forma que supostamente faziam com a moeda da Liberty Reserve. A RSA pertence à fabricante de equipamentos de armazenamento de dados EMC Corp.

Em nome de seus clientes, que incluem as principais instituições financeiras, Aharoni e sua equipe monitoram fóruns da Internet usados pelos hackers para vender informações de cartões de crédito roubados.

Depois que a Liberty Reserve foi fechada em maio, a atividade nestes fóruns inicialmente desacelerou e depois voltou a subir, com alguns hackers dizendo que aceitariam pagamentos com a Perfect Money (equivalente a dinheiro perfeito, em português), disse Aharoni.

"Esperávamos uma grande migração para outra moeda digital e isso aconteceu", acrescentou. A RSA, onde Aharoni trabalha, vende serviços de segurança para 30 mil empresas e órgãos governamentais, incluindo as populares identidades de segurança (ou Secure IDs), que protegem o acesso ao sistemas.

A Perfect Money, que opera pelo menos desde 2007, não pôde ser contatada para comentar o assunto. Não houve resposta ao pedido feito por meio do site da Perfect Money, que não listava nenhum número de telefone para contato e tampouco apontava seus funcionários.

A Reuters não conseguiu determinar quem controla a Perfect Money. O site diz que a empresa é baseada no Panamá, mas o governo panamenho afirmou em um comunicado em janeiro que a Perfect Money não tem escritórios no país e que não foi emitida nenhuma licença por reguladores de valores mobiliários para que a companhia operasse no país.

Autoridades nos Estados Unidos e ao redor do mundo têm expressado preocupação com as moedas digitais, que não são vinculados a nenhum governo em particular e estão emergindo como uma ferramenta de lavagem de dinheiro para hackers, criminosos cibernéticos e traficantes de drogas.

Moedas como a Perfect Money são controladas por uma única empresa ou entidade que administra a transferência de valores entre os clientes.   Continuação...