Dell tem queda no lucro trimestral com diminuição das vendas de PC

quinta-feira, 15 de agosto de 2013 18:08 BRT
 

SAN FRANCISCO, 15 Ago (Reuters) - A Dell, fabricante de computadores envolvida em uma batalha de aquisição entre seu presidente-fundador e o investidor ativista Carl Icahn, divulgou uma queda de 72 por cento no lucro trimestral na quinta-feira, afetada por recuo das vendas de PCs.

A Dell já liderou o mundo em vendas de computadores e era tida como um modelo de inovação da cadeia de produção, mas nos últimos anos tornou-se uma das vítimas mais proeminentes da erosão no mercado de PCs ante a competição com dispositivos móveis.

As vendas da sua divisão de computação para o usuário final, que incorpora computadores, deslizou 5 por cento para 9,1 bilhões de dólares.

A terceira maior fabricante de PCs do mundo registrou vendas de 14,5 bilhões de dólares no segundo trimestre fiscal, estáveis em relação há um ano, mas superando a expectativa dos analistas de que ficassem em 14,2 bilhões de dólares, em média.

O lucro líquido foi de 204 milhões de dólares ou 12 centavos de dólar por ação no segundo trimestre fiscal, em comparação com 732 milhões dólares americanos, ou 42 centavos por ação, no mesmo período do ano anterior. Excluindo itens extraordinários, a empresa lucrou 25 centavos de dólar por ação, levemente superior à previsão média de 24 centavos de dólares, segundo pesquisa da Thomson Reuters.

(Reportagem de Edwin Chan)