Presidente da Microsoft vai se aposentar em 12 meses, ações sobem

sexta-feira, 23 de agosto de 2013 10:45 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - A Microsoft anunciou nesta sexta-feira que seu presidente-executivo, Steve Ballmer, vai se aposentar nos próximos 12 meses, assim que a companhia completar o processo de escolha de seu sucessor. O anúncio fazia as ações da empresa em quase 9 por cento.

Ballmer disse em um comunicado que teria programado sua aposentadoria no meio da anunciada transformação da Microsoft para uma empresa de dispositivos e serviços. Mas ele disse: "Precisamos de um presidente que estará aqui no longo prazo para esta nova direção."

A empresa de software disse que seu conselho indicou um comitê especial para direcionar o processo de escolha do novo presidente-executivo.

O comitê é liderado por John Thompson, diretor independente, e inclui o fundador e presidente do conselho da empresa, Bill Gates, assim como outros membros do conselho como Chuck Noski e Steve Luczo.

A empresa vai considerar candidatos internos e externos e está trabalhando com a companhia de recrutamento de executivos Heidrick & Struggles International.

 
CEO da Microsoft, Steve Ballmer, gesticula durante conferência da Microsoft em São Francisco, Califórnia. A Microsoft anunciou nesta sexta-feira que Ballmer vai se aposentar nos próximos 12 meses, assim que a companhia completar o processo de escolha de seu sucessor. O anúncio fazia as ações da empresa em quase 9 por cento. 26/06/2013. REUTERS/Robert Galbraith