Nova sonda lunar da Nasa entra na órbita da Lua

terça-feira, 8 de outubro de 2013 16:38 BRT
 

Por Irene Klotz

CABO CANAVERAL, Flórida, 8 Out (Reuters) - A política pode estar mantendo a maior parte dos funcionários da Nasa em casa, mas isso não impediu a nova sonda lunar da agência espacial dos Estados Unidos de atingir a órbita da Lua, disseram autoridades na segunda-feira.

A Ladee (Lunar Atmosphere and Dust Environment Explorer) foi lançada em 6 de setembro a bordo de um pequeno foguete que colocou a nave espacial em órbita elíptica em torno da Terra.

Após três voltas ao redor do planeta, no domingo a Ladee atingiu a posição precisa para acionar seu foguete de propulsão próprio, deixando-se capturar pela gravidade da lua e entrar em órbita lunar.

O momento não foi a ideal. A paralisação parcial em curso do governo federal dos EUA dispensou cerca de 97 por cento dos 18 mil funcionários da Nasa.

Mas entre os que continuam a trabalhar estão os controladores de voo da Ladee, responsáveis por monitorar a manobra com uma única chance de acertar, disse o cientista e projetista Gregory Delory, em um centro de pesquisa em Moffet Field, Califórnia.

Pelas próximas duas semanas, a Ladee irá ajustar sua órbita para que fique a 250 km da superfície lunar, uma posição privilegiada para o estudo dos gases que envolvem a Lua e buscar poeira com carga elétrica que emana do solo.

O impasse governamental não deve afetar uma demonstração das comunicações via laser da Ladee planejada para antes do fim de outubro, disse Delory.