Telefônica Brasil tem resultado abaixo do esperado no 3o tri

quinta-feira, 7 de novembro de 2013 11:08 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Telefônica Brasil teve queda de 19 por cento no lucro líquido do terceiro trimestre, em um resultado abaixo do esperado pelo mercado, atingido por forte aumento de investimentos no período e alta nos custos.

A companhia teve lucro líquido de 760,2 milhões de reais entre julho e setembro, ante expectativa média de analistas apurada pela Reuters de resultado positivo de 828 milhões de reais.

A geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) foi de 2,38 bilhões de reais, recuo anual de 18,2 por cento. A margem no período caiu de 34,4 para 27,6 por cento.

Os investimentos totalizaram no período 1,867 bilhão de reais, quase o dobro em relação aos 964 milhões de reais do terceiro trimestre de 2012. Grande parte do aumento ocorreu para injeção de recursos em rede, 1,23 bilhão de reais, incremento anual de 72 por cento.

Além disso, a operadora registrou 451 milhões de reais para licença relacionada a espectro para atendimento de demanda por dados móveis.

Sem considerar a licença, a relação entre investimento e receita líquida cresceu de 11,4 para 16,4 por cento no terceiro trimestre.

O aumento nos investimentos ocorreu apesar de receita praticamente estável na comparação com o terceiro trimestre do ano passado e em relação ao segundo trimestre deste ano, a 8,618 bilhões de reais.

A receita foi contida por quedas no faturamento com serviços de telefonia fixa, apesar da base de acessos do segmento ter se mantido estável em 15 milhões.

Na telefonia móvel, a base pós-paga, mais rentável, cresceu 23,3 por cento sobre um ano antes, para 22,14 milhões de acessos, enquanto a base pré-paga caiu 7,4 por cento. Já a receita média por usuário (Arpu, na sigla em inglês), cresceu 6,6 por cento, a 23,6 reais, impulsionada por alta de 24 por cento em serviços de dados.   Continuação...