Francesa Lagardere confirma meta anual de lucro

terça-feira, 12 de novembro de 2013 13:30 BRST
 

PARIS, 12 Nov (Reuters) - O grupo de mídia francês Lagardere confirmou sua meta de lucro anual nesta terça-feira, apesar de uma queda de 4,4 por cento nas vendas causada por vendas mais vagarosas de livros para escolas na Europa e taxas cambiais desfavoráveis.

A demanda caiu em suas quatro divisões - editora de livros, estações de rádio e revistas, viagens e marketing esportivo - levando a empresa a divulgar vendas de 1,88 bilhão de euros (2,52 bilhões de dólares) no terceiro trimestre.

O dólar norte-americano, a libra esterlina e o iene japonês mais fortes reduziram as vendas em cerca de 30 milhões de euros ante o ano anterior.

A corretora Gilber Dupont havia estimado vendas de 1,93 bilhão de euros.

A empresa de controle familiar, que concorre com a Pearson e a Bertelsmann AG em rádio e editoração de livros, manteve sua meta de crescimento em 2013 do lucro recorrente de mídia antes de juros e impostos (Ebit) entre 0 e 5 por cento ante 2012, com câmbio constante.

A projeção é baseada na receita com publicidade caindo cerca de 7 por cento na unidade de rádio e revistas Lagardere Active.

(Por Leila Abboud)

 
Arnaud Lagardere, presidente-executivo do grupo de mídia francês Lagardere, apresenta os resultados anuais da empresa de 2012 em Levallois, próximo a Paris. O grupo de mídia francês Lagardere confirmou sua meta de lucro anual nesta terça-feira, apesar de uma queda de 4,4 por cento nas vendas causada por vendas mais vagarosas de livros para escolas na Europa e taxas cambiais desfavoráveis. REUTERS/Jacky Naegelen