Microsoft espera ficar no mapa da mídia com Xbox One

quinta-feira, 21 de novembro de 2013 17:58 BRST
 

SÃO FRANCISCO, 21 Nov (Reuters) - A Microsoft pretende superar a rival Sony com um console que vai muito além dos jogos e ajuda a transformar o modo de visualizar a mídia, um objetivo muito procurado mas, ao mesmo tempo, elusivo.

A gigante dos softwares aposta que seu primeiro vídeo game em oito anos, que vai chega às lojas na próxima sexta-feira, vai ajudar a manter sua posição como um participante de mercado dominante em hardware de jogos. Espera, também, construir um negócio com alta margem de lucro e rápido crescimento e que tenha um papel maior no modo em que as pessoas consomem o conteúdo de mídia.

A receita de jogos e plataformas do Xbox, incluindo a badalada franquia "Halo", rendeu 10 por cento do total de vendas da empresa no último ano fiscal. Um lançamento de sucesso poderia dar o impulso necessário para a companhia, que está no tentando tornar-se um participante do mercado significativo em hardware.

A Microsoft quer se transformar em uma gigante dos "equipamentos e serviços" enquanto se esforça para encontrar a fórmula correta e contratar um novo chefe-executivo para assumir a Google, Apple e a Amazon.com em uma era de computação móvel.

Assim como o PlayStation e o Nintendo Wii U, o Xbox One vem acompanhado do Netflix e outros aplicativos populares. Porém, a Microsoft iniciou seu próprio estúdio para produzir conteúdos de vídeo exclusivos, fazendo com que a plataforma se torne um portal que não se restringe apenas aos games.

(Reportagem de Malathi Nayak)