Juiz encerra acusação contra ex-executivos da Telecom Italia

quarta-feira, 27 de novembro de 2013 18:27 BRST
 

ROMA, 27 Nov (Reuters) - Um juiz de Roma decidiu retirar uma acusação criminal contra três ex-executivos da Telecom Italia, acusados de inflar o número de chips de celular da operadora, por falta de provas, afirmou uma fonte judicial nesta quarta-feira.

Os três executivos são o ex-presidente-executivo da Telecom Italia Riccardo Ruggiero e dois ex-diretores da operadora de celular TIM, Massimo Castelli e Luca Luciani.

A investigação, transferida de Milão para Roma alguns meses atrás, tratava de acusações segundo as quais a empresa teria inflado o número de 5,3 milhões de cartões SIM entre 2006 e 2008.

(Por Francesca Piscioneri)