China Mobile negocia acordo com Apple

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013 13:52 BRST
 

TAIPÉ, 18 Dez (Reuters) - A China Mobile disse que ainda está em negociações com a Apple para vender iPhones em meio a uma crescente especulação no setor de que as empresas estão prestes a anunciar um acordo que deve dar à gigante de tecnologia milhões de novos clientes em potencial.

Xi Guohua, presidente do conselho da maior operadora de telefonia móvel do mundo, disse nesta quarta-feira que sua empresa não tinha qualquer anúncio a fazer sobre acordo para oferecer os smartphones da Apple. Xi falou a repórteres numa conferência em Guangzhou, no sul da China.

Um acordo com a China Mobile pode potencialmente valer bilhões de dólares em receita à Apple. Até 759 milhões de potenciais novos consumidores da China Mobile podem ganhar acesso aos iPhones, gerando até 3 bilhões de dólares em receita extra em 2014, ou quase um quarto do crescimento projetado da receita em seu atual ano fiscal.

Xi também disse à conferência que a China Mobile tem como meta vender de 190 milhões a 220 milhões de celulares no ano que vem. Ele disse que a empresa planeja elevar os subsídios para cobrir o custo de celulares, após gastar 27 bilhões de iuanes (4,5 bilhões de dólares) em 2013, de acordo com a conta oficial da empresa no serviço de microblog Sina Weibo.

(Por Clare Jim e Redação em Xangai)

 
Uma mulher olha para a tela de seu celular enquanto passa em frente ao logotipo da China Mobile no centro de Xangai. A China Mobile disse que ainda está em negociações com a Apple para vender iPhones em meio a uma crescente especulação no setor de que as empresas estão prestes a anunciar um acordo que deve dar à gigante de tecnologia milhões de novos clientes em potencial. 18/12/2013 REUTERS/Aly Song