Apple está perto de comprar Beats por US$3,2 bi, diz fonte

sexta-feira, 9 de maio de 2014 14:20 BRT
 

SAN FRANCISCO, 9 Mai (Reuters) - A Apple está perto de pagar um recorde de 3,2 bilhões de dólares pela Beats Electronics, segundo disseram duas pessoas com conhecimento do assunto, em uma cara incursão no streaming de música e no mercado de fones de ouvido.

As companhias estão trabalhando nos detalhes, mas o acordo ainda pode falhar, disse uma pessoa à Reuters sob condição de anonimato pois as discussões são confidnciais.

Uma segunda fonte com conhecimento do assunto disse à Reuters que a Apple buscava um serviço de música baseado em assinaturas para complementar seu serviço "iRadio", lançado em 2013 como uma tentativa de entrar no mercado de streaming de música até então dominado por startups como a Pandora.

No entanto, analistas questionaram na quinta-feira se a Beats, avaliada em apenas 1 bilhão de dólares durante sua última rodada de financiamento em setembro, valia esse preço. A Apple tinha mais de 130 bilhões de dólares em caixa no final de março, mas a maior parte desse dinheiro está no exterior, e investidores têm pedido para a companhia trazer mais dinheiro de volta na forma de dividendos e recompras de ações.

"Isso é realmente difícil de entender", disse James McQuivey, analista da Forrester, que disse que há uma enorme sobreposição entre a base de consumidores das duas companhias. "Você compra empresas hoje para conseguir tecnologias que ninguém mais tem, ou consumidores que ninguém mais tem."

A Apple não quis comentar a notícia. A Beats Electronics não respondeu a pedidos por comentários sobre a notícia, que foi publicada primeiro no Financial Times.

(Por Nadia Damouni, Christina Farr e Nicola Leske)