Presidente de comitê inglês quer Ferguson na seleção olímpica

domingo, 20 de julho de 2008 14:59 BRT
 

Por Mike Collett

LONDRES (Reuters) - O técnico do Manchester United, Alex Ferguson, seria ideal para liderar a seleção inglesa na Olimpíada de Londres de 2012, declarou neste domingo Sebastian Coe, presidente de comitê olímpico inglês.

Coe disse ao programa de rádio BBC Radio Five Live que discutiu o assunto com o escocês de 66 anos, que disse que vai se aposentar como técnico do Manchester United dentro dos próximos três anos.

"Eu adoraria tê-lo aqui, porque ele é um técnico fenomenal e um grande gerenciador de pessoas. Quem mais você poderia querer como mentor de um time sub-23 em preparação para a Olimpíada?", disse Coe.

A Grã-Bretanha não participa da competição masculina de futebol olímpico desde 1960 e nunca enviou uma seleção feminina, por temores de que o estatuto independente de Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte dentro da Fifa pudesse se ver comprometido no futuro.

Embora o presidente da Fifa, Joseph Blatter, tenha dito repetidamente que sua condição não seria minada pela inclusão de um time britânico em 2012, as federações escocesa, galesa e norte-irlandesa se opõem à idéia de apresentar seleções.

No início do ano Blatter disse que uma maneira de contornar o problema seria escalar somente jogadores ingleses para a equipe. Em 2005 a Fifa declarou que, como nação anfitriã, a Grã-Bretanha teria que incluir as seleções nos jogos de 2012.

Coe disse ter tido algumas conversas com Ferguson, mas acrescentou: "Quero ressaltar que cabe à Associação Olímpica Britânica e à Associação de Futebol fazer esse julgamento, e o deixo para eles."