Maradona quer fazer tatuagem de Hugo Chávez

quarta-feira, 12 de dezembro de 2007 21:10 BRST
 

BUENOS AIRES (Reuters) - O ex-jogador Diego Maradona disse na quarta-feira que pretende tatuar em si a imagem do presidente venezuelano, Hugo Chávez, que assim fará companhia aos retratos do líder cubano Fidel Castro e do guerrilheiro argentino Ernesto "Che" Guevara.

Maradona, maior ídolo da história do futebol argentino, passou alguns anos em Cuba, onde fez tratamento contra a dependência química. Ali estabeleceu amizade com o legendário revolucionário, que por sua vez é o mentor político de Chávez.

"Eu queria tatuar alguma coisa do Chávez, de verdade", disse Maradona em entrevista coletiva na província de Tucumán (norte).

Maradona já carrega uma portentosa imagem do Che no ombro direito e tem o rosto de Fidel tatuado na perna esquerda.

(Por Damián Wroclavsky)