2 de Março de 2008 / às 16:01 / em 9 anos

Bayern vence Schalke fora de casa; Werder também ganha

Por Kevin Fylan

BERLIM (Reuters) - O líder Bayern de Munique colocou um ponto final na maldição de Gelsenkirchen, cidade do Schalke 04, e venceu o time local por 1 x 0, neste sábado, enquanto o Werder Bremen continua sua perseguição no Campeonato Alemão com a vitória por 2 x 0 sobre o Borussia Dortmund.

Miroslav Klose abriu o placar aos 14 minutos e deu ao Bayern sua primeira vitória fora de casa sobre o Schalke 04 no Alemão desde 1998. Esse foi o primeiro resultado positivo do Bayern na Arena AufSchalke, a casa do Schalke desde 2001.

Com 22 jogos disputados, o Bayern lidera a competição com 47 pontos, seguido pelo Werder, com 43, depois dos dois gols de Markus Rosenberg contra o Dortmund.

O Bayer Leverkusen e o Hamburgo, na terceira e quarta colocação, respectivamente, com 38 pontos, entram em ação no domingo. O Hamburgo recebe o Eintracht Frankfurt e o Bayer joga fora de casa contra o VfL Bochum.

O Schalke caiu para o sexto lugar com 35 pontos e tem poucas chances de entrar na briga pelo título da temporada.

A partida entre o Energie Cottbus e o Stuttgart, marcada para este sábado, foi adiada por causa de uma tempestade de vento de 130 km/h identificada pela previsão de tempo.

SINAIS DE PREOCUPAÇÃO

O Bayern fez uma atuação excelente na primeira hora de jogo contra o Schalke, ameaçando constantemente a defesa adversária e raramente dando a mesma oportunidade ao seu rival.

Isso irá preocupar o técnico do Schalke, Mirko Slomka, que já está de olho no jogo de quarta-feira pela Liga dos Campeões contra o Porto, no Estádio do Dragão.

A jogada do gol começou com um belo trabalho de Bastian Schweinsteiger, que encontrou Franck Ribery correndo em direção à marca de pênalti com um passe inteligente.

O craque francês cruzou perto da trave, onde Klose, chegando atrasado, surpreendeu a defesa do Schalke para marcar o que pareceu um gol de quadril.

Klose acertou a trave numa bola de cabeça aos 38 minutos do primeiro tempo, e, no início do segundo, Ribery mais uma vez superou a defesa e finalizou, mas a bola saiu por pouco.

Luca Toni ainda teve chance de marcar de cabeça, aos 15 minutos do segundo tempo, e Daniel van Buyten, também numa bola de cabeça, acertou o travessão.

O Schalke perdeu duas reais chances de empatar, a primeira quando Marcelo Bordon cabeceou de uma posição muito boa e depois com Rafinha que, de perto do gol, chutou em cima de Oliver Kahn.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below