Ralf Schumacher diz que deixará equipe Toyota

segunda-feira, 1 de outubro de 2007 15:31 BRT
 

XANGAI (Reuters) - O piloto alemão Ralf Schumacher anunciou na segunda-feira que vai deixar a equipe Toyota da Fórmula 1 no fim da temporada, mas não revelou seu destino.

"Como sou piloto da Toyota há três anos, optei por buscar um novo desafio", disse Schumacher, antes do Grande Prêmio da China, no domingo, segundo seu site oficial.

O piloto de 32 anos, irmão mais novo do heptacampeão Michael Schumacher, não esclareceu se vai continuar ou não na Fórmula 1. "Terei várias conversas nas próximas semanas. Anunciarei minha decisão quando a temporada terminar", afirmou.

"Para mim, o aspecto financeiro é bem menos importante que a chance de estar envolvido no desenvolvimento de um carro e depois conseguir o sucesso."

Ralf Schumacher é um dos pilotos mais bem-pagos da categoria, mas a Toyota não vem se beneficiando muito. Faz seis anos que a equipe não consegue uma vitória numa corrida. O alemão marcou apenas cinco pontos em 15 corridas.

Ele tem seis vitórias na carreira, todas com a Williams, em 178 provas.

(Por Alan Baldwin)

 
<p>O piloto alem&atilde;o Ralf Schumacher anunciou na segunda-feira que vai deixar a equipe Toyota da F&oacute;rmula 1 no fim da temporada, mas n&atilde;o revelou seu destino. Foto em Oyama, Jap&atilde;o, 29 de setembro. Photo by Yuriko Nakao</p>