Taxistas de Pequim não tiram proveito das aulas de Inglês

sábado, 16 de agosto de 2008 04:13 BRT
 

Por Lucy Hornby

PEQUIM (Reuters) - Todos eles passaram nos testes de Inglês, mas agora que os Jogos já começaram, os taxistas de Pequim estão decepcionados ao descobrir que suas aulas não os levaram muito longe. Os motoristas de táxi se preocuparam por vários meses enquanto lutavam para memorizar frases e para passar no teste de Inglês antes do início das Olimpíadas. A frota de táxis de Pequim queria oferecer um serviço tranquilo e internacional aos visitantes das mais variadas partes do mundo.

Os motoristas estão vestidos com camisas amarelas novas, gravatas listradas e mantêm seus carros brilhando durante todo o mês.

No entanto, apesar dos testes de Inglês, a maioria está se valendo de serviços de tradução ou cartões de visita de hotéis para conseguir levar passageiros estrangeiros onde eles querem ir.

"Primeiramente, eu tentei 'wa goingt', mas eles não pareciam estar entendendo", contou Zhao Dongfei, que disse que passou em primeiro lugar em seu grupo no teste de Inglês, mas não teve muita sorte até agora com seu peculiar 'where are you going?'(onde você está indo?).

Zhao tentou lembrar uma lista de países de língua inglesa, mas foi capaz de citar apenas "América".

"Para dizer a verdade, a comunicação com amigos estrangeiros não tem tido muito sucesso."

Jovens motoristas levam vantagem se lembrarem das aulas da escola. Taxistas mais velhos, que não tiveram Inglês na escola, frequentemente aprendem frases fonéticas ou estudam com seus filhos que estão em idade escolar."

O taxista Li Yuxian ficou impressionado quando um passageiro estrangeiro abriu seus braços e os movimentou como se estivesse batendo asas para indicar que queria ir ao aeroporto. "A verdade é que 95 por cento de nós não sabe falar Inglês", afirmou Li.   Continuação...