Fifa só autoriza Peru a jogar na altitude após pegar o Brasil

quarta-feira, 24 de outubro de 2007 20:50 BRST
 

LIMA (Reuters) - A Fifa autorizou a seleção peruana a fazer partidas das eliminatórias da Copa do Mundo de 2010 na altitude, mas só depois do confronto com o Brasil, disse na quarta-feira um porta-voz da Federação Sul-Americana de Futebol (Conmebol).

O Peru havia solicitado à Fifa que aceitasse o estádio Monumental da Universidade Nacional de San Agustín, em Arequipa (2.335 metros acima do nível do mar), como terceira sede do país nas eliminatórias.

"Hoje [quarta-feira] de manhã chegou a comunicação oficial da Fifa aprovando a sede de Arequipa, mas será depois do Brasil, com quem se jogará em 18 de novembro", disse o porta-voz da federação local.

A Fifa havia autorizado jogos da seleção apenas nos estádios Alejandro Villanueva e Monumental, ambos em Lima. O Estádio Nacional da capital foi vetado por ter gramado sintético, e o Garcilaso de la Vega, em Cusco, ficou de fora por causa da altitude (3.040 metros).

O comitê executivo da Fifa proibiu recentemente a disputa de partidas internacionais em lugares a mais de 2.800 metros de altitude, alegando razões médicas e de "ética competitiva".

Mas a entidade que dirige o futebol mundial autorizou em caráter "excepcional" que a Bolívia jogue em La Paz, a 3.600 metros.

O Peru pretendia jogar contra o Brasil em Arequipa para talvez facilitar a obtenção da primeira vitória nas eliminatórias, depois do empate em casa com o Paraguai e da derrota como visitante frente ao Chile, na semana passada.

(Por Marco Aquino)