Primeiras finais na natação têm dois recordes mundiais

domingo, 10 de agosto de 2008 04:26 BRT
 

Por Julian Linden

PEQUIM (Reuters) - Michael Phelps deu o primeiro passo em seu caminho rumo a imortalidade olímpica ao conquistar, neste domingo, a primeira de possíveis oito medalhas de ouro.

O americano de 23 anos demoliu seu próprio recorde mundial dos 400 metros medley na final olímpica da modalidade, que foi a primeira disputa de medalha da natação no quase espacial Cubo D'Água em Pequim.

A australiana Stephanie Rice se juntou a ele na lista de quebradores de recorde ao estraçalhar a marca anterior dos 400 metros medley feminino e conquistar seu primeiro título olímpico.

Park Tae-hwan deu à Coréia do Sul a primeira medalha de ouro olímpica do país na natação, ao vencer os 400 metros nado livre masculino neste sábado, enquanto Zhang Lin foi o primeiro nadador chinês a conquistar uma medalha olímpica ao levar a prata na mesma prova.

A equipe holandesa feminina venceu o revezamento 4x100 metros nado livre, ficando à frente de EUA e Austrália.

Com o presidente dos EUA Gorge W. Bush presente nas arquibancadas, Phelps enfrentou um desafio duro frente ao húngaro Laszlo Cseh e seu companheiro de equipe dos EUA Ryan Lochte, para marcar o tempo de 4:03.84, melhorando em 1,4 segundo seu próprio recorde anterior, conquistado na seletiva olímpica de natação dos EUA, há seis semanas.

"Eu olhei para cima e vi o presidente Bush me fazer o sinal de positive segurando uma bandeira americana. Aquilo foi muito legal," disse Phelps.

"(Phelps) foi maravilhoso, ele conseguiu o recorde mundial, você não pode querer mais nada. Para os EUA, foi uma ótima maneira de começar," disse Lochte.   Continuação...