Massa assistirá pelo retrovisor à briga pelo título da F1

sábado, 20 de outubro de 2007 17:54 BRST
 

Por Camila Moreira

SÃO PAULO (Reuters) - Felipe Massa vai largar da pole position pela segunda vez seguida no Grande Prêmio do Brasil, no domingo e, apesar de não ter mais chances no campeonato, seu desempenho na prova pode ser importante para a definição do título entre Lewis Hamilton, Fernando Alonso e Kimi Raikkonen.

Massa assistirá pelo retrovisor à briga entre os três -- Hamilton sai em segundo, à frente de Raikkonen e Alonso, respectivamente --, e dependendo do que acontecer durante a prova ele pode ter que ajudar seu companheiro de Ferrari Raikkonen a vencer.

Entretanto, como a vantagem de Hamilton para o finlandês é de sete pontos, talvez nem a vitória garanta o título a Raikkonen. E com o britânico de 22 anos no meio das duas Ferraris, é possível que o brasileiro nem mesmo tenha a chance de ajudá-lo.

"É importante ter uma boa largada, e espero que atrás de mim tenha uma grande luta. Será bom para o pessoal ver uma boa briga entre esses três", disse Massa, que não esconde estar chateado por não participar da briga pelo título.

"Ainda fica uma pequena mágoa de chegar aqui e não estar brigando pelo campeonato depois de excelente ano que tive, mas minha carreira não acaba este ano, quem sabe um dia eu consigo chegar aqui e subir na muretinha para comemorar o título", completou ele, que está em quarto lugar no campeonato.

Massa não hesitou em comemorar muito a pole, tanto de dentro de seu carro quanto depois de estacioná-lo, deixando bastante agitada a torcida brasileira.

"No Brasil fazer a pole é sempre fantástico. No ano passado tive um fim de semana fantástico e espero que este ano possa terminar da mesma maneira", disse Massa.

Hamilton será campeão se as posições do grid forem mantidas no resultado da corrida, e ter Massa na pole em vez de Raikkonen ou Alonso aumentam suas chances. Nenhum piloto venceu uma corrida nesta temporada tendo largado além da terceira posição no grid.

"Estou contente com a classificação de hoje. O carro está funcionando bem e estou muito confortável. Estou bastante confiante e relaxado para amanhã, e sei o que tenho que fazer para vencer o campeonato. Meu foco não é vencer a corrida, mas o título", disse Hamilton.