Bélgica elimina Itália com 1 a menos; Nigéria também avança

sábado, 16 de agosto de 2008 14:24 BRT
 

Por Brian Homewood

SHENYANG (Reuters) - Com dez homens em campo, a Bélgica realizou um feito ao bater a Itália, por 3 x 2, em partida das quartas-de-final do futebol olímpico, neste sábado, enquanto a Argentina venceu a Holanda na prorrogação e preparou a semifinal contra o Brasil.

A Nigéria igualmente se classificou entre os quatro melhores, com uma vitória de 2 x 0 sobre a também africana Costa do Marfim.

A Bélgica passou a ter desvantagem de 1 x 0 e um jogador a menos em campo aos 18 minutos de jogo, quando Thomas Vermaelen recebeu o cartão vermelho por derrubar o italiano Giuseppe Rossi, que conferiu da marca do pênalti.

Mas Moussa Dembele igualou com uma cabeçada aos 24 minutos, apesar da tentativa de bloqueio de Luca Cigarina, e Kevin Miralles colocou a Bélgica na dianteira nos acréscimos do primeiro tempo.

Rossi igualou para a Itália com outro pênalti, aos 28 do segundo tempo, mas Dembele fez o gol da vitória seis minutos depois.

Na partida da Argentina contra os holandeses, Lionel Messi marcou o primeiro gol dos argentinos, campeões de Atenas-2004, aos 14 minutos e armou a jogada para o gol da vitória na prorrogação de Angel Di Maria, na vitória de 2 x 1.

Otman Bakkal havia reagido para os holandeses aos 36 minutos.