Segurança é maior prioridade das Olimpíadas, diz vice chinês

quarta-feira, 9 de julho de 2008 12:23 BRT
 

Por Nick Mulvenney

PEQUIM (Reuters) - A segurança é o fator mais importante quando se trata de organizar uma Olimpíada bem-sucedida, afirmou na quarta-feira o vice-presidente da China, Xi Jinping, em um evento realizado para marcar os 30 dias que faltam até o início dos Jogos.

A China sempre viu no terrorismo a maior ameaça às Olimpíadas e, na quarta-feira, meios de comunicação oficiais disseram que a polícia matou cinco pessoas que desejavam realizar uma "guerra santa" na região de Xinjiang (oeste), lar de 8 milhões de muçulmanos uigures.

Xi disse ao "Comício de Mobilização de Trabalho para as Olimpíadas e as Paraolimpíadas de Pequim," realizado no Grande Salão do Povo, que a China precisa esforçar-se ao máximo nesses últimos 30 dias a fim de garantir que os Jogos (a ocorrerem entre 8 e 24 de agosto) sejam seguros.

"Uma Olimpíada segura é o símbolo mais significativo do sucesso das Olimpíadas em Pequim e também o símbolo mais importante da imagem nacional da China," afirmou.

"O sistema de segurança existente precisa intensificar ainda mais seus amplos exercícios a fim de melhorar constantemente. Todos os departamentos precisam obedecer piamente às determinações do governo central na área de segurança."

Xi, suposto herdeiro do presidente chinês Hu Jintao, afirmou serem prioridades a coordenação entre Pequim e as províncias vizinhas e os planos de contingência para o caso de haver incidentes no setor de segurança.

"As pessoas precisam ser mobilizadas para darem apoio e tomarem parte do esforço de segurança olímpico," acrescentou. "Ao mesmo tempo, precisamos ampliar ativamente a cooperação internacional para formar uma força de segurança conjunta com vistas a uma Olimpíada segura."

A China, ávida por usar os Jogos para dar mostras de sua emergência como potência econômica, já adotou um grande número de medidas de segurança.   Continuação...