City respeita o United, mas vence o rival fora de casa

domingo, 10 de fevereiro de 2008 16:37 BRST
 

Por Mike Collett

MANCHESTER (Reuters) - O Manchester City honrou a memória da tragédia que atingiu o Manchester United em 1958, mas apenas antes de começar a partida, já que não mostrou consideração por seu arqui-rival, que teve suas esperanças de título abaladas com uma vitória inesperada do City por 2 x 1 em um emocionado Old Trafford neste domingo.

Depois de os torcedores de ambos os clubes respeitarem um minuto de silêncio que marca os 50 anos no acidente aéreo em Munique que matou 23 pessoas, entre elas oito jogadores do United, o City surpreendeu o time da casa com um desempenho excelente para vencer pela primeira vez no Old Trafford desde 1974.

Os gols no primeiro tempo, marcados por Darius Vassell e o estreante Benjani Mwaruwari também deram duas vitórias consecutivas sobre o United no Campeonato Inglês pela primeira vez desde 1969, e impôs ao United sua primeira derrota em casa nesta temporada do Inglês.

O gol marcado já nos acréscimos por Michael Carrick, que entrou no decorrer do jogo, não foi mais que uma consolação para o time da casa, que jogou com camisetas no estilo de 1958, sem logos e outros elementos a não ser os números nas costas, um sinal de respeito às vítimas de Munique.

Ainda que o uniforme evocasse lembranças de um grande time do United, que foi virtualmente extinto depois de Munique, seu desempenho nem de longe lembrava aquele time.

O City, com o capitão Richard Dunne se destacando na defesa e Stephen Ireland e Martin Petrov brigando por todas as bolas no meio-campo, conquistou uma vitória merecida, que afetou seriamente as esperanças do United de defender o título. Com a vitória, o City pula de oitavo para o sétimo lugar na tabela.

Em outra partida da rodada, no Stamford Bridge, o desempenho fraco de Chelsea e Liverpool foi bem traduzido no 0 x 0 do resultado final, o que deixou o Chelsea em terceiro, a três pontos do Manchester United.

O resultado, que também elevou a série invicta do Chelsea em casa para 76 jogos, fez o Liverpool passar à frente do City e do Aston Villa na tabela de classificação.   Continuação...