Federer diz que ainda é o favorito em Wimbledon

domingo, 8 de junho de 2008 18:08 BRT
 

Por Julien Pretot

PARIS (Reuters) - O tenista número 1 do mundo, Roger Federer, declarou que sua terceira derrota consecutiva em uma final do Aberto da França para Rafael Nadal não afeta suas esperanças de um sexto título seguido em Wimbledon, o que lhe daria um novo recorde.

O suíço e primeiro cabeça-de-chave sofreu uma surra de 6-1, 6-3 e 6-0 pelas mãos do espanhol, que neste domingo igualou o recorde de Bjorn Borg de quatro êxitos consecutivos em Roland Garros.

Mas Federer deve ficar mais à vontade na grama, onde venceu as últimas cinco edições de Wimbledon, incluindo duas finais contra Nadal em 2006 e 2007.

"Com certeza sinto que minhas chances são muito melhores, e também acho que ainda sou o favorito na grama", disse Federer, que inicia sua temporada em quadras de grama na próxima segunda-feira, no torneio de Halle.

"São tão diferentes, saibro e grama, que perder em quatro ou cinco sets ou não ter nenhuma chance, como hoje, não acho que tenho muito impacto em mim mentalmente."

Federer vai quebrar o recorde de Borg de cinco títulos consecutivos em Wimbledon se seu jogo prevalecer em Londres no mês que vem. O título ainda levaria a contagem de seus Grand Slams para treze títulos, só um a menos que o recorde de Pete Sampras.

No ano passado, ele precisou de cinco sets para superar Nadal na final de Wimbledon, um a mais do que no ano anterior.