May 24, 2008 / 8:54 PM / 9 years ago

Chelsea demite técnico Grant após fracasso na Liga dos Campeões

3 Min, DE LEITURA

Por Mike Collett

LONDRES (Reuters) - O Chelsea demitiu o técnico Avram Grant, neste sábado, três dias depois de o time ter perdido nos pênaltis a final da Liga dos Campeões para o Manchester United.

"O Chelsea pode confirmar que Avram Grant teve seu contrato como técnico encerrado hoje. A decisão acontece após reuniões nos últimos dois dias", declarou o clube do Campeonato Inglês num comunicado em seu site oficial (www.chelseafc.com).

"Todos no Chelsea gostariam de agradecer Avram por sua contribuição desde que assumiu o comando em setembro último."

E tinha mais: "Nós agora vamos concentrar nossos esforços para identificar um novo técnico para o Chelsea e não haverá mais comentários até que alguém seja escolhido."

Entre aqueles cogitados para o cargo estão Frank Rijkaard, que deixou o Barcelona, e Roberto Mancini, que levou a Inter de Milão ao título do Campeonato Italiano.

O ex-técnico da seleção da Inglaterra, Sven-Goran Eriksson, cujo futuro no Manchester City parece incerto, também foi citado no passado para uma possível mudança para Stamford Bridge, assim como o holandês Guus Hiddink, que é o atual técnico da Rússia.

A casa de apostas on-line William Hill coloca Hiddink como favorito, pagando 11/4, para suceder Grant em Stamford Bridge, enquanto seu compatriota Rijkaard lidera as apostas com 2/1 na Ladbrokes.

Grant, de 53 anos e amigo pessoal do bilionário russo Roman Abramovich, proprietário do Chelsea, assumiu o cargo de técnico do time em setembro, depois que José Mourinho deixou o clube.

O israelense seguiu os passos de Mourinho para fora de Stamford Bridge depois que o time foi derrotado pelo Manchester United no Campeonato Inglês, além de também ter perdido a final da Copa da Liga para o Tottenham Hotspurs, em fevereiro.

Também não foi surpresa nenhuma que seu futuro estivesse em perigo como técnico quase que a partir do dia que ele assumiu o lugar de Mourinho, em setembro.

Mas o Chelsea perdeu apenas cinco jogos sob o comando de Grant e chegou à final da Liga dos Campeões pela primeira vez, feito que Mourinho não conseguiu durante seus três anos no comando da equipe.

O time também foi para o último jogo do Inglês empatado em pontos com o Manchester United e poderia ter conquistado o título se tivesse um resultado melhor que o do Manchester no final do dia.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below