Sem contusão, Tyson Gay passa no teste de arrancada

domingo, 10 de agosto de 2008 11:51 BRT
 

Por Gene Cherry

PEQUIM (Reuters) - O campeão mundial Tyson Gay fez um impressionante teste nos 100 metros, domingo, e afirmou que não sentia dor alguma da contusão sofrida em julho.

"Estou feliz com o treino de hoje. Estou sem contusão, sem dor", disse o norte-americano a jornalistas depois de treinar na Universidade Normal de Pequim.

"Tenho procurado um indicador que me deixe saber onde minha confiança vai estar, e hoje eu soube", completou ele, depois de fazer arrancadas de 60, 80 e 100 metros.

A sessão foi o primeiro treino de Gay aberto à imprensa desde que ele machucou o músculo da coxa esquerda durante as provas de 200 metros da seletiva olímpica dos EUA em 5 de julho.

"Essa foi veloz", afirmou o técnico de Gay, Jon Drummond, depois do teste de 100 metros.

Gay, campeão mundial nos 100 e 200 metros, correrá apenas os 100, com final prevista para 16 de agosto, e o revezamento 4x100 metros na Olimpíada.

A final dos 100 metros é aguardada como o grande destaque do atletismo nos Jogos de Pequim, já que contará com o atual recordista da prova Usain Bolt e seu compatriota jamaicano Asafa Powell, além de Gay.

Gay, que completou 26 anos no sábado, afirmou estar muito próximo da forma que se encontrava em julho quando bateu o recorde americano de 9s77 e o tempo de 9s68 (com vento a favor) na seletiva de seu país. O último tempo foi o mais veloz obtido sob quaisquer condições.