23 de Outubro de 2007 / às 03:58 / em 10 anos

Hamilton está sob investigação após treino livre em Interlagos

<p>Piloto da McLaren Lewis Hamilton dentro do carro durante treino livre para o GP do Brasil de F&oacute;rmula 1, nesta sexta-feira, em INterlagos, S&atilde;o Paulo. Photo by Sergio Moraes</p>

SÃO PAULO (Reuters) - O líder do Mundial de Fórmula 1, Lewis Hamilton, está sob investigação no Grande Prêmio do Brasil, depois que a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) afirmou nesta sexta-feira que ele quebrou as regras de pneus na primeira sessão de treinos livres.

“Lewis Hamilton, Jenson Button e Takuma Sato usaram dois conjuntos de pneus para tempo úmido durante a primeira sessão de treinos, o que viola o artigo 25;3 das Regras Esportivas da Fórmula 1 2007”, disse o delegado técnico em relatório.

Os pilotos podem usar apenas um conjunto de pneus para pista molhada durante uma sessão, de acordo com o regulamento da categoria.

Uma porta-voz da FIA afirmou que a questão será avaliada após a segunda sessão, que acontece nesta tarde. Não há uma punição determinada para esse caso.

A McLaren, equipe de Hamilton, afirmou simplesmente que cometeu um erro. Choveu durante a maior parte do treino da manhã.

O britânico de 22 anos, que vai se tornar o primeiro novato e o mais jovem a conquistar o título mundial se vencer no domingo em Interlagos, está quatro pontos à frente do colega de equipe Fernando Alonso e sete à frente de Kimi Raikkonen, da Ferrari.

Por Alan Baldwin

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below