Henin bate Golovin e leva nono título da temporada

domingo, 21 de outubro de 2007 14:31 BRST
 

Por Mark Ledsom

ZURIQUE (Reuters) - Justine Henin, a tenista número um do mundo, garantiu seu nono título na temporada neste domingo, ao bater a jovem francesa Tatiana Golovin por 6-4 e 6-4 na final do Torneio de Zurique.

A belga não venceu apenas quatro dos 13 torneios dos quais participou neste ano e está invicta há 20 jogos --sua última derrota aconteceu contra Marion Bartoli nas semifinais de Wimbledon, disputadas em julho.

"Esta tem sido a melhor temporada da minha carreira e vencer meu nono título no ano é muito maravilhoso", disse Henin em uma entrevista concedida ainda na quadra.

"Eu precisei de um pouco de tempo para entrar no jogo hoje, já que Tatiana estava me colocando sob muita pressão, porém devagar, mas com confiança, eu reagi."

Golovin, a número 18 do mundo que tem 10 anos e perdeu todos os três jogos que fez contra Henin, teve um início agressivo no primeiro set da decisão deste domingo, que fez ser ela premiada com uma vantagem de 3-1.

Henin precisou de um golpe de sorte para empatar, depois que uma bola que tocou na fita lhe deu a chance de devolver a quebra de saque.

Ela conseguiu consumar o break point depois de provocar uma rebatida para fora de Golovin e conseguiu outra quebra decisiva quando a jovem francesa cometeu três erros não forçados, fazendo com que o placar ficasse em 4-5.

Golovin pediu um tempo na partida por conta de uma contusão, mas que não teve efeito aparente na tranquilidade de Henin, porque a belga confirnou seu serviço para vencer o set e quebrou o saque da adversária logo no começo do segundo.

Golovin parecia ameaçar uma reação, depois de devolver imediatamente a quebra, mas desperdiçou seu serviço mais uma vez e ficou com o placar desfavorável de 2-1, naquela que foi a última quebra de serviço da partida.

"Ela é absolutamente é a melhor", disse Golovin, depois de perder sua segunda final para Henin em um intervalo de três semanas. "Ela é tão sólida, mas ela é também uma grande inspiração para mim, e quando mais eu jogo contra tenistas de primeiro nível como Justine, mais eu espero aprender."