Dunga reclama e pede que jogadores melhorem "qualidade técnica"

quinta-feira, 22 de novembro de 2007 07:09 BRST
 

Por Tatiana Ramil

SÃO PAULO (Reuters) - O técnico Dunga deixou o estádio do Morumbi feliz com o resultado mas insatisfeito com a atuação do Brasil diante do Uruguai e afirmou que sua equipe precisa "melhorar a qualidade técnica" nos próximos jogos.

A seleção brasileira derrotou o Uruguai por 2 x 1, de virada, na noite de quarta-feira, e chegou a oito pontos em quatro partidas nas eliminatórias da Copa do Mundo de 2010, mas teve uma atuação muito pouco convincente.

"Nós realmente não jogamos bem, principalmente no primeiro tempo, erramos muitos passes. Nossa característica é o toque de bola e não conseguimos acertar" disse Dunga em entrevista coletiva após a partida.

"Mais do que a marcação, o Brasil tem que melhorar a posse de bola e a qualidade técnica, onde a gente pode exigir mais dos jogadores. Às vezes tem jogador que não tem característica de marcação, então tem que pedir para ele preencher os espaços, mas, principalmente, aproveitar a qualidade técnica."

Mesmo apontando falhas, Dunga disse estar feliz com o resultado e acrescentou que vencer quando não se joga bem é sinal de "personalidade."

O treinador brasileiro destacou ainda a importância da entrada do volante Josué no lugar de Ronaldinho Gaúcho no segundo tempo, retornando ao esquema com três volantes adotado na conquista da Copa América, em julho.

Com Josué, os laterais ficaram mais liberados para atacar. E foi num chute de Gilberto que saiu o segundo gol brasileiro. Na comemoração, Dunga deu vários tapas na cobertura do banco de reservas.

"Tenho certeza que muita gente nessa sala não teria coragem de fazer isso (a substituição de Ronaldinho por Josué)", declarou ele, ainda festejando sua decisão.   Continuação...

 
<p>Ronaldinho Ga&uacute;cho gesticula durante partida do Brasil com o Uruguai, no Morumbi, na quarta-feira. O Brasil venceu o jogo por 2 x 1. Photo by Rickey Rogers</p>