Bolívia repete base para enfrentar Argentina e Venezuela

quarta-feira, 7 de novembro de 2007 22:01 BRST
 

LA PAZ (Reuters) - A seleção boliviana, que conseguiu apenas um ponto nas duas primeiras rodadas das eliminatórias sul-americanas para a Copa de 2010, não terá mudanças táticas para as próximas partidas, disse na quarta-feira o técnico Erwin Sánchez.

O treinador convocou 23 jogadores para treinar a partir de quinta-feira em Santa Cruz para os jogos do dia 17 contra a Argentina em Buenos Aires e do dia 20 contra a Venezuela em San Cristóbal.

Após perder para o Uruguai por 5 x 0 fora de casa na primeira rodada e empatar sem gols, na Bolívia, contra a Colômbia, Sánchez enfrentou duras críticas da mídia local, que questionou sua suposta falta de criatividade na busca por uma vaga para o Mundial da África do Sul.

Sánchez manteve na lista os questionados meio-campistas Joselito Vaca e Gualberto Mojica.

A Bolívia só terá mudanças forçadas por lesões ou suspensões. Entre as principais baixas está o zagueiro Lorgio Alvarez, do Cerro Porteño paraguaio.

Eis a lista dos convocados bolivianos:

Goleiros: Sergio Galarza e Carlos Arias.

Defensores: Daniel Vaca, Miguel Hoyos, Luis Gatty Ribeiro, Ronald Raldes, Santos Amador, Limbert Méndez, Luis Gutiérrez e Ricardo Verduguez.

Meio-campistas: Ronald García, Nicolás Suárez, Alejandro Gómez, Sacha Lima, Gualberto Mojica, Ronald Gutiérrez, Jhasmani Campos, Joselito Vaca e Limberg Gutiérrez.

Atacantes: Juan Carlos Arce, Jaime Moreno, Marcelo Martins e Diego Cabrera.

(Carlos Alberto Quiroga)