Dupla dos EUA vence espanhóis e mantém esperança na Copa Davis

sábado, 20 de setembro de 2008 15:27 BRT
 

Por Ben Harding

MADRI (Reuters) - Os Estados Unidos mantiveram vivas as esperanças de conquistar a Copa Davis, após Mike Bryan e Mardy Fish baterem os espanhóis Fernando Verdasco e Feliciano Lopez neste sábado e reduzirem a desvantagem dos atuais campeões diante da Espanha para 2 x 1 na semifinal da competição.

Fish e o número um no ranking de duplas Bryan, que jogou o primeiro jogo em seis anos sem o irmão gêmeo Bob, contundido, silenciaram a multidão barulhenta na arena de touradas Las Ventas, em Madri, ao vencerem por 4-6, 6-4, 6-3, 4-6 e 6-4 em 3 horas e 16 minutos.

A vitória repete a situação da dupla dos EUA há quatro anos em Sevilha, quando a equipe também perdia por 2 x 0. O capitão dos EUA, Patrick McEnroe, espera que as semelhanças parem por aí, já que naquela ocasião, a Espanha acabou ganhando a partida seguinte, dando à equipe o seu segundo título da Copa Davis.

A improvável dupla dos EUA neste sábado, que começou a treinar há apenas uma semana, parecia desentrosada ao perder o primeiro set rapidamente, em apenas meia hora sob o forte sol na capital espanhola.

Fish começou a achar seu jogo no segundo set, ao mesmo tempo em que Verdasco perdia o seu --uma bola na rede deu aos EUA o set point, antes de oferecer ao mesmo Fish um voleio fácil para fechar o set. Os norte-americanos, destros, pareciam confortáveis contra oponentes pouco focados no terceiro set. No oitavo game Fish rebateu bem um drive de Verdasco para quebrar o serviço dos anfitriões e dar aos visitantes a vantagem de 2 sets a 1.

Com os EUA em um bom momento no jogo, a Espanha teve o saque quebrado logo no game de abertura do quarto set, mas no decisivo oitavo game, Lopes, que comemorava seus 27 anos, deixou a dupla norte-americana em maus lençóis com um voleio para devolver a quebra e estabelecer a disputa do quinto e decisivo set.

Verdasco e Lopez pareciam estar no comando, mas uma ótima rebatida de Bryan e um mau voleio de Lopez deu aos EUA a chance de quebra no quinto game, o que eles conseguiram com um ace de Fish e a batida no peito característica do irmão de Bryan na comemoração.

Na sexta-feira, Rafael Nadal, o espanhol que é número 1 do mundo, venceu Sam Querney, enquanto David Ferrer bateu o norte-americano Andy Roddick.

Roddick joga contra Nadal no primeiro jogo do domingo, que será seguido pela disputa entre Ferrer e Querrey.

 
<p>Os membros da equipe norte-americana da Copa Davis dos Estados Unidos, Mike Bryan (dir) e Mardy Fish (2o esquerda), ao lado dos rivais espanh&oacute;is Fernando Velasco (2o dir) e Feliciano Lopez (esq), dia 18 de setembro. Mike Bryan e Mardy Fish baterem os espanh&oacute;is Fernando Verdasco e Feliciano Lopez neste s&aacute;bado e reduzirem a desvantagem dos atuais campe&otilde;es diante da Espanha. Photo by Susana Vera</p>