Phelps já pensa nos ouros que ganhará em Londres-2012

segunda-feira, 18 de agosto de 2008 09:39 BRT
 

Por Julian Linden

PEQUIM (Reuters) - Ninguém sabe se ele está tentando cumprir algum tipo de missão ou simplesmente se é uma pessoa insaciável. O fato é que o mundo da natação ainda deve ouvir falar de Michael Phelps durante um bom tempo.

Depois de conquistar em Pequim as inéditas oito medalhas de ouro numa só Olimpíada, o norte-americano de 23 anos poderia ficar tentado a pendurar a touquinha preta para começar a desfrutar dos milhões de dólares que inundam sua conta bancária. Não é nada disso.

Ele quer nadar durante pelo menos mais quatro anos, chegando à Olimpíada de Londres-2012, onde não descarta disputar nove provas para bater seu próprio recorde de ouros.

"Não vou dizer que algo seja impossível", disse ele à Reuters, numa entrevista exclusiva nesta segunda-feira no Palácio Príncipe Jun, uma construção de 120 anos em Pequim.

"Realmente não sei qual será o meu programa, mas nada é impossível," acrescentou o nadador, em entrevista organizada por sua patrocinadora Visa..

Depois de passar o último ano nadando centenas de quilômetros como preparação para Pequim, Phelps agora pretende tirar alguns meses para descansar, viajar pelo mundo e rever os amigos em Baltimore.

Mas o técnico Bob Bowman já lhe avisou que os treinos recomeçam para valer no começo de 2009, e que é bom ele não perder a forma até lá. "Provavelmente não poderei passar muito tempo sentado. Sempre quero ficar constantemente me mexendo e me exercitando", contou. "Vou definitivamente tentar manter parte da minha forma, mas nada demais até janeiro ou fevereiro".

O próximo compromisso importante dele será o Mundial de Roma, em 2009, no qual ele começa a delinear seu programa para competir em Londres-2012.   Continuação...

 
<p>Nadador norte-americano Michael Phelps sorri durante evento promocional em Pequim, nesta segunda-feira. Photo by Nir Elias</p>