23 de Maio de 2014 / às 21:14 / 3 anos atrás

Atlético ainda acredita na recuperação de Diego Costa e Arda

LISBOA (Reuters) - O Atlético de Madri ainda aposta na recuperação de Diego Costa e Arda Turan, e a decisão sobre a participação deles na final da Liga dos Campeões, no sábado, contra o Real Madrid, ainda não foi tomada, disse nesta sexta-feira o técnico Diego Simeone.

Costa, artilheiro do Atlético, e o meia Arda saíram mancando da partida contra o Barcelona que decidiu o Campeonato Espanhol, no último fim de semana, com lesões na coxa e quadril, respectivamente, e se tornaram dúvida para a final da Liga dos Campeões em Lisboa.

“Daqui a um pouco vamos avaliar a condição deles e ver se podem treinar melhor hoje”, disse Simeone em uma coletiva de imprensa. “Nós vamos ver como eles se sentem e dependendo do que for preciso para o time, tomaremos uma decisão”, acrescentou o argentino.

“Costa e Arda são jogadores importantes, mas eles são somente dois dos nomes listados. Ou serão eles jogando ou outros dois rapazes que já sabem quem são.”

Costa e Arda treinaram com seus companheiros de equipe na quinta, antes do Atlético voar de sua base em Segóvia para a capital portuguesa, na manhã desta sexta.

O Atlético treinou pela última vez antes da final no Estádio da Luz, em Lisboa, imediatamente depois da coletiva de imprensa de Simeone, e os dois jogadores fizeram parte das atividades. 

Caso não estejam disponíveis, Simeone pode substituí-los pelo atacante Adrian, que marcou o primeiro gol da partida de volta da semifinal contra o Chelsea, enquanto Raúl Garcia ou Diego poderiam ocupar o lugar de Arda.

O Estádio da Luz, do Benfica, vai sediar a primeira final entre dois times da mesma cidade nos 59 anos de história da competição.

O Atlético, que está apenas em sua segunda final após perder para o Bayern de Munique em 1974, busca seu primeiro título do torneio continental e vai tentar impedir que o Real Madrid, em sua 13ª final, conquiste seu décimo.

Simeone, na briga para se torna um dos únicos três técnicos não europeus a vencer a Liga, e o primeiro desde o feito de seu compatriota Helenio Herrera em 1965, disse que não ficará assombrado pela ocasião.

O treinador, de 44 anos, venceu a Liga Europa com o Atlético em 2012 e conquistou ainda os títulos da Copa do Rei, um ano depois, e agora do Campeonato Espanhol.

Como jogador, Simeone venceu a Copa da Uefa com a Inter de Milão, assim como títulos de campeonatos nacionais e copas com o Atlético e a Lazio.

“Eu não me sinto tão pressionado como algumas pessoas parecem achar, mas sinto o peso da responsabilidade sobre meus ombros”, disse Simeone.

“Sinto-me bem, sinto-me responsável, mas tudo que me importa é o jogo em si.”

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below