Rio entregará Olimpíada de 2016 dentro do prazo, garante Nuzman

sexta-feira, 23 de maio de 2014 21:08 BRT
 

Por Graham Wood

ATENAS (Reuters) - O Brasil vai provar que os céticos estão errados e realizará as obras dos Jogos Olímpicos de 2016 no prazo e dentro do orçamento, garantiu o presidente do Comitê Organizador dos Jogos Rio 2016, Carlos Arthur Nuzman.

Em uma rara entrevista concedida à mídia internacional, Nuzman admitiu que os atrasos atrapalharam os trabalhos, mas insistiu que tudo estará pronto.

"Sabemos que não temos tempo a perder e não estamos parados", disse Nuzman, que também é o presidente do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), à edição de sexta-feira do jornal grego Kathimerini.

"Trazer os Jogos para o Brasil era uma ambição que eu tinha há muito tempo e estamos determinados a entregar uma Olimpíada para se orgulhar, dentro dos prazos e orçamentos acordados."

No mês passado, o vice-presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI) John Coates havia rotulado os preparativos do Brasil como os piores que já tinha visto e que estavam gravemente atrasados, mas depois disse que tinha certeza que a cidade seria capaz de sediar um "grande" evento.

Nuzman respondeu dizendo que "trabalhar em equipe é a melhor e única maneira de fazer este progresso, mas precisamos de uma crítica construtiva que possa nos ajudar a melhorar".

Os primeiros Jogos na América do Sul têm sido atingidos por atrasos, aumento de custos e problemas de comunicação entre os diferentes níveis de governo e os organizadores brasileiros, gerando críticas de federações esportivas internacionais.

Integrantes do COI criticaram em abril o ritmo dos preparativos do Brasil e anunciaram uma série de medidas para agilizar as obras, incluindo um acompanhamento mais próximo da preparação do Rio de Janeiro.   Continuação...