Técnico da Colômbia corta o meia Valencia de Mundial no Brasil

quarta-feira, 28 de maio de 2014 17:01 BRT
 

BUENOS AIRES (Reuters) - O meia Edwin Valencia vai ficar de fora da Copa do Mundo no Brasil por não ter tempo suficiente para se recuperar de uma lesão, disse nesta quarta-feira o técnico da seleção colombiana, José Pekerman.

Valencia, que joga no Fluminense, não vai integrar o elenco que viaja ao Brasil porque “não dá tempo para a recuperação” da lesão muscular que sofre,  ressaltou o treinador argentino.

“Tenho uma notícia para vocês que não é muito agradável e de pouca sorte para nós: Edwin Valencia não vai poder ir ao Mundial”, disse Pekerman em uma coletiva de imprensa em Buenos Aires.

“As lesões e os problemas sofridos por Valencia durante os últimos tempos não permitem o rendimento exigido pela seleção”, acrescentou Pekerman.

Valencia, de 28 anos, jogou 15 partidas do Campeonato Brasileiro em 2014 pelo Fluminense e seu último jogo foi em 26 de abril.

A Colômbia levou 26 jogadores para a preparação antes do Mundial na capital argentina. Os colombianos sofreram também os desfalques dos meias Macnelly Torres e Elkin Soto, além do zagueiro Aquivaldo Mosquera.

Pekerman insinuou que Luis Fernando Muriel ou Falcao poderiam ser um dos três jogadores excedentes que ainda faltam serem dispensados para se chegar aos 23 finais que vão ao Brasil.  

Na primeira fase da Copa, a ser disputada entre 12 de junho e 13 de julho, a equipe sul-americana integra o Grupo C,  junto com Japão, Grécia e Costa do Marfim.

(Reportagem de Luis Ampuero)