Mesmo com dor, Nadal vai às quartas de final em Paris

segunda-feira, 2 de junho de 2014 17:32 BRT
 

PARIS (Reuters) - Os temores de que o reinado de Rafael Nadal no saibro de Roland Garros esteja ameaçado devido a uma dor nas costas se mostraram infundados nesta segunda-feira, quando o número um do mundo liderou a campanha espanhola rumo às quartas de final do torneio.

No dia em que o rei Juan Carlos abdicou do trono, não houve perigo de seu compatriota fazer o mesmo no Aberto de Paris. Oito vezes campeão ali, Nadal demoliu o sérvio Dusan Lajovic em parciais de 6-1, 6-2 e 6-1.

O próximo adversário é o tenista que derrotou Nadal na última vez em que se enfrentaram – o também espanhol David Ferrer.

Ferrer impediu Kevin Anderson de se tornar o primeiro sul-africano em 47 anos a chegar às quartas de final no saibro parisiense com uma vitória em 6-3, 6-3 ,6-7(5) e 6-1.

A primeira metade da chave masculina poderia ter sido dominada pelos espanhóis se o campeão de Wimbledon Andy Murray e o francês Gael Monfils não tivessem sido estraga-prazeres.

O sétimo cabeça de chave Murray e Fernando Verdasco fizeram a quadra Suzanne Lenglen tremer no duelo de três sets, mas foi o escocês quem triunfou com seus winners ferozes em 6-4, 7-5 e 7-6(3).

(Por Pritha Sarkar)