Brasil deve tomar cuidado com dedicação mexicana, diz técnico Herrera

segunda-feira, 2 de junho de 2014 18:27 BRT
 

(Reuters) - A seleção brasileira deve tomar cuidado com a garra do México na partida pelo Grupo A do Mundial, disse o técnico mexicano, Miguel Herrera, que promete a máxima dedicação de seus jogadores ao enfrentar os anfitriões no dia 17 de junho.

O Brasil, que tenta vencer o Mundial pela primeira vez como anfitrião, estreia em 12 de junho contra a Croácia, um dia antes do jogo entre México e Camarões. A duas equipes latino-americanas se enfrentam no segundo jogo de ambas, em Fortaleza.

“O Brasil deverá tomar cuidado com a nossa garra e determinação. Vamos disputar todas as bolas divididas para que sejam nossas. Com certeza vamos correr muito mais do que eles, porque se quisermos ganhar, temos que correr”, disse Herrera em uma entrevista concedida à Fifa e divulgada nesta segunda-feira.

“É uma equipe que conhece a bola, com jogadores que facilmente desequilibram, há um ou dois jogadores: Neymar, Hulk, poderia nomear quatro, cinco ou seis jogadores capazes de desequilibrar (a partida)”, ressaltou.

Mas o “Piolho”, como é chamado o treinador que assumiu a seleção do México quando o time passava por uma péssima fase e o levou à classificação, já sabe como encarar o confronto com o Brasil.

“Se marcarmos um jogador com dois na maioria das áreas do campo, encurtarmos os espaços, creio que estaremos sólidos para tentar a vitória”, afirmou em entrevista publicada na página da Fifa na Internet.

“Ganhar do Brasil no Brasil vai nos colocar nas alturas. Essa é a mentalidade que temos que ter”, acrescentou.

O México venceu o Brasil na Olimpíada de Londres, em 2012.

(Por Javier Leira)