Suíça tem dificuldade para derrotar um desfalcado Peru

terça-feira, 3 de junho de 2014 19:09 BRT
 

Por Brian Homewood

LUCERNA Suíça (Reuters) - A Suíça demorou para garantir a vitória de 2 x 0 sobre um Peru desentrosado e defensivo nesta terça-feira, no último amistoso antes de seguir para a Copa do Mundo no Brasil.

O lateral-direito Stephan Lichtsteiner abriu a retranca com um cabeceio aos 33 minutos do segundo tempo e Xherdan Shaqiri, que ficou no banco por todo primeiro tempo, marcou o segundo seis minutos depois.

Até então, os suíços haviam criado poucas chances contra os sul-americanos, que jogaram desfalcados de jogadores como Claudio Pizarro, Jefferson Farfan e Carlos Zambranol.

Ricardo Rodriguez foi o melhor jogador suíço no primeiro tempo e uma cobrança de falta rasteira do lateral-esquerdo teve que ser defendida em cima da linha pelo goleiro peruano George Forsyth.

O Peru, que desde 1982 não se classifica para um Mundial, mostrou-se confiante com a posse bola, mas ameaçou apenas uma vez durante o primeiro tempo, quando um chute de Paolo Hurtado teve que ser desviado pelo goleiro suíço Diego Benaglio.

Poucas chances de gol foram criadas no segundo tempo, e os suíços continuaram a trocar passes sob o barulho de um contingente de 1.000 torcedores peruanos com cornetas e tambores e que faziam mais barulho do que os 14 mil suíços que também assistiam à partida.

No entanto, os anfitriões finalmente abriram o placar quando Rodriguez cruzou a partir da esquerda e Lichsteiner cabeceou no canto.

Seis minutos depois, uma bola longa foi lançada por cima da defesa peruana para Shaqiri, e o jogador marcou o segundo gol com um chute entre as pernas de Forsyth.