Brasil treina em campo sem anúncios após troca para patrocinadores da Fifa

domingo, 8 de junho de 2014 16:59 BRT
 

Por Pedro Fonseca

TERESÓPOLIS, Rio de Janeiro (Reuters) - A seleção brasileira escolheu o campo 2 da Granja Comary, que não possui placas de anunciantes, para realizar o treino deste domingo após a troca dos patrocinadores da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) pelos da Fifa no campo principal.

O Brasil vinha realizando até então a maioria das atividades de preparação para a Copa do Mundo no gramado principal do centro de treinamentos, que estava cercado por placas de anúncios de parceiros da CBF.

Pela primeira vez neste domingo, as placas de publicidade do local foram substituídas pelas marcas oficiais da Fifa. A troca é uma determinação da entidade responsável pelo futebol mundial para todas as seleções que vão disputar a Copa a partir de 12 de junho.

Além da mudança de marcas, houve uma redução significativa no número de anúncios na Granja. Três de quatro lados do campo tinham placas de patrocinadores antes, enquanto agora há publicidade somente atrás de um dos gols.

Alguns anunciantes da Fifa são concorrentes de marcas que patrocinam a seleção brasileira. Por exemplo, patrocinam o Brasil as empresas Samsung, Nike, Vivo e Mastercard, enquanto a Fifa tem acordos com Sony, Adidas, Oi e Visa.

A atividade realizada no campo 2 da Granja deixou o time mais perto de alguns torcedores privilegiados-- os moradores e convidados das casas que ficam no mesmo condomínio do centro de treinamento, que ficaram separados do treino apenas por uma grade.

Neste domingo, a seleção brasileira também passou a utilizar o ônibus oficial da Fifa para seus deslocamentos.

O veículo, com a inscrição "Preparem-se! O hexa está chegando!", que foi escolhida em votação pela Internet, trouxe os jogadores de volta à Granja Comary, em Teresópolis (RJ), após a folga no sábado.   Continuação...