June 9, 2014 / 9:14 PM / 3 years ago

Felipão testa Henrique de volante como nova opção a Oscar

4 Min, DE LEITURA

Henrique (E) e Fred treinam em Teresópolis nesta segunda-feira.Stringer/Brazil/Marcelo Regua

TERESÓPOLIS, Rio de Janeiro (Reuters) - Em um treino coletivo com bom rendimento do time titular, que venceu por 4 x 0, o técnico Luiz Felipe Scolari voltou a substituir o meia Oscar da equipe principal durante a atividade nesta segunda-feira, desta vez substituindo o jogador do Chelsea por Henrique e colocando em campo uma formação com três volantes.

Oscar iniciou a preparação do Brasil para a Copa do Mundo com o status de titular absoluto, mas vem perdendo espaço durante os treinamentos pelo desempenho apagado e já tem sua posição ameaçada.

O também meia Willian treinou no lugar de Oscar na semana passada, quando o titular foi liberado da concentração para acompanhar o nascimento de sua primeira filha, e substituiu seu companheiro de clube no Chelsea no intervalo do amistoso de sexta-feira contra a Sérvia, o último antes da Copa, que o Brasil venceu por 1 x 0.

O técnico Luiz Felipe Scolari começou o treino coletivo desta segunda com a mesma equipe titular do amistoso de sexta contra a Sérvia e que conquistou a Copa das Confederações no ano passado, mas voltou a sacar Oscar durante a atividade.

O meia deu lugar a Henrique, zagueiro que também pode jogar de volante. O ex-jogador do Palmeiras atuou como primeiro homem do meio-campo, ao lado de Luiz Gustavo e Paulinho numa linha de três homens à frente dos zagueiros.

Felipão já adiantou que essa formação pode ser utilizada durante o Mundial numa situação em que o Brasil tenha que segurar um resultado apertado. Na conquista do pentacampeonato mundial em 2002, o técnico também jogou dessa forma, com o zagueiro Edmilson fazendo função de volante.

A única outra mudança realizada pelo treinador no coletivo foi uma troca de centroavantes: saiu Fred e entrou Jô. A substituição também normalmente é feita pelo técnico nas partidas, quando Fred aparenta estar cansado na etapa final.

O time titular começou com Julio Cesar; Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz e Marcelo; Luiz Gustavo, Paulinho e Oscar; Hulk, Neymar e Fred.

O desempenho da equipe foi bom durante toda a atividade, que foi interrompida pelo treinador em determinados momentos para corrigir a movimentação, principalmente nas bolas paradas.

David Luiz (de cabeça em cobrança de escanteio), Hulk (contra-ataque), Fred (após passe em profundidade) e Marcelo (de voleio após linda jogada de Neymar) marcaram os gols dos titulares, que conseguiram pôr em prática uma eficiente marcação pressão.

Quando essa marcação falhou, Felipão foi duro na cobrança a Hulk por ter deixado o lateral do time reserva Maicon sozinho.

Num determinado momento, Neymar deu um susto ao cair sozinho em campo, mas voltou a participar da atividade normalmente após receber atendimento médico.

Depois do treino, os jogadores foram até a grade que separa o centro de treinamento da Granja Comary, em Teresópolis (RJ), do condomínio vizinho para tirar fotos e dar autógrafos aos torcedores que acompanharam a atividade.

A seleção brasileira volta a treinar na Granja na terça-feira e viaja à noite para São Paulo, onde enfrentará a Croácia, quinta-feira, na partida de abertura da Copa do Mundo.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below