Goleiro Ochoa deve ser titular do México e atacante Hernández Iría fica no banco

segunda-feira, 9 de junho de 2014 20:03 BRT
 

SANTOS (Reuters) - Guilhermo Ochoa teria sido escolhido nesta segunda-feira como goleiro titular do México no Mundial, vencendo a disputa com Jesús Corona e Alfredo Talavera, depois de participar de exercícios mais intensos no segundo treino realizado pelos mexicanos no Brasil.

Se Ochoa for confirmado como titular, o ex-goleiro do Ajaccio, da França, vai disputar sua primeira partida em Mundiais depois de ficar no banco na Alemanha-2006 e África do Sul-2010.

Ochoa, revelado no clube mexicano América, assistiu aos jogos do banco na Alemanha como terceiro goleiro, atrás de Oswaldo Sánchez e Corona.

Na África do Sul, quando parecia que ele seria o titular, foi posto na reserva em prol da escalação do experiente Oscar “Conejo” Pérez pelo técnico Javier Aguirre.

“Trabalhei duro, ninguém me deu nada de presente, é por isso que Miguel (Herrera) me pediu para que estivesse pronto para jogar”, disse Ochoa no domingo.

No segundo treinamento do México, o técnico Miguel Herrera permitiu ver apenas exercícios rápidos e uma conversa que teve com o grupo de jogadores.

A equipe mexicana teve que ir de táxi do hotel para o campo de treinamento porque a bateria do ônibus oficial quebrou.

Em relação ao ataque, Javier “Chicharito” Hernández pode ficar no banco, com Giovani Dos Santos e Oribe Peralta se destacando para compor a linha de ataque do México, situação que deverá ser definida na quinta, quando o técnico deve revelar a escalação do time, um dia antes da estreia no Mundial contra Camarões.

Quatro dias depois do primeiro jogo, o México enfrenta o Brasil no Grupo A, e no dia 23 de junho pega a Croácia.

A meta do México no Brasil é alcançar as quartas de final pela primeira desde 1986, depois de ser eliminado nas oitavas pelos últimos cinco Mundiais.

(Por Matías Martínez)